Criatividade é Vida

Qualquer processo de aprendizagem pre-moldado, hierárquico e disciplinador nos impede de pensar fora da caixa.


Já parou pra pensar quantas vezes você não conseguiu ser criativo, inventivo e inovador simplesmente por não ter oportunidade para isso?


A nossa sociedade, infelizmente, ainda nos tole e aprisiona nossos talento.


Tudo é programado para atendermos demandas externas que nada passam pela nossa essência, pelo nosso propósito. E acreditem: esse é um dos maiores motivos de termos tantos exemplos de infelicidade profissional e fracassos na empreitada empreendedora.


Queremos muito fazer o que está vigente, aquilo que pode nos fornece resultados financeiros certos, sem riscos, seguros, imediatos e óbvios, nos fazendo abdicar da grande força que nos direciona a felicidade: o talento, nossa energia, nossa paixão e nossa autoria nos projetos profissionais.


A criatividade na vida passa pela mesma visão: como podemos multiplicar opções e alternativas de felicidade e resolver problemas com mais flexibilidade e inovação se apenas reproduzimos a mesma estrutura cognitiva de conhecimento, técnicas e habilidades de cenários passageiros?


Ser criativo e ter espaço para colocar sua paixão no mundo é fundamental para exercermos nossos talentos a longo prazo, deixando nossa marca e um legado de nossa autoria.

É necessário explorar nossos potencialidades, dons, competências e atutudes para descobrir caminhos que ainda não foram trilhados. Descobrir esses pontos chaves de nossa essência é vital para não fracassarmos nem nos arrependermos do que não fizemos.


O medo de errar nos faz escravos da nossa própria rotina. Temos medo do novo, do risco, da desaprovação. Vivemos sempre na margem de nós mesmos, convivendo com os mesmos hábitos, suportando o mesmo processo, sem experimentar o diferente, sem criar, sem inovar, sem gerar alternativas.


E você? O que você está fazendo para recuperar sua criatividade e sua habilidade de criar novos cenários de aprendizagem e de trabalho??


Responda:


1. Quantos cursos novos você fez esse ano?

2 Quantas coisas novas aprendeu?

3. Quantos amigos novos surgiram?

4. Quantos lugares novos visitou?

5. Quantos livros novos leu?

6. Quantas ideias de negócio próprio teve esse ano?

7. Quais idiomas vai aprender/aprofundar esse ano? Quais habilidades irá desenvolver?

8. Quantos projetos de desenvolvimento de sua autoria foram criados na sua empresa esse ano?

9. Quantas ideias de intercâmbios e mochilões você teve esse ano?

10. Quantos instrumentos de música você quer aprender a tocar esse ano?


Criatividade é vida!

Posts Em Destaque
Posts Recentes